Furacão Willa alcança categoria 5 ao atravessar o Pacífico e se aproximar do México

Ondas estouram na cidade mexicana de Mazatlan, no estado de Sinaloa, com a aproximação do furacão Willa — Foto: Daniel Slim/ AFP

Tempestade deve chegar nesta terça-feira à tarde ou à noite à costa oeste do México.

O Willa, que atravessa o Pacífico a noroeste do México, tornou-se um poderoso furacão de categoria 5 nesta segunda-feira (22), o máximo na escala de Saffir-Simpson, e deve chegar à terra nesta terça-feira à tarde ou à noite, informou o Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos (CNH).

"Os ventos máximos sustentáveis aumentaram para cerca de 260 km/h com rajadas maiores. Willa é um furacão categoria 5 e extremadamente poderoso", assinalou o último boletim do CNH.


No fim da manhã, o olho de Willa estava a 280 km das Ilhas Marias e a 215 km de Cabo Corrientes, no Pacífico Norte mexicano, e estava se movendo a 10 km / h em direção ao NHC. Mais cedo, ele era classificado na categoria 4.

 

Furacão Willa se formou no Pacífico oriental e seguia a caminho da costa oeste do México nesta segunda-feira (22) — Foto: NOAA via AP

Devido à proximidade do furacão, a Defesa Civil do Ministério do Interior declarou as costas de Sinaloa, Jalisco e Nayarit em alerta verde. Nessa região ficam localizadas as turísticas cidades de Puerto Vallarta e Mazatlan.

As aulas foram suspensas nesta segunda e constantemente os moradores recebem mensagens para que estejam prontos para quando chegar o fenômeno.

O NHC estima que a precipitação total provocada pela tempestade vai variar de 12,5cm a 38,1cm.

Nesse mês, o furacão Michael atingiu a Flórida, provocando fortes chuvas, muito vento e 30 mortes.

Publicidade

Curtiu nosso trabalho?

Clique nos botões e siga a gente nas redes sociais.