22
Sex, Fev

Flavio Nolasco grafitou o rosto da estudante Rayane Paulino, que foi assassinada após sair de festa em Mogi. — Foto: Flavio Nolasco/Arquivo Pessoal

Rayane Paulino Alves, de 16 anos, foi assassinada após sair de festa em Mogi das Cruzes. Grafiteiro Flavio Nolasco, de 38 anos, desenhou a jovem no muro com o objetivo de chamar as pessoas para uma reflexão sobre a morte da jovem.

Para a polícia, a filha Jaqueline Rosa dos Santo Porto (à esq) matou a mãe, Vanilda Pereira dos Santos (à dir) — Foto: Reprodução/TV Diário

Segundo o delegado Rubens José Angelo, Jaqueline dos Santos Porto quis se vingar da irmã, que foi contra o traslado do seu filho morto do Rio de Janeiro para Mogi. Mulher contou que colocou calmantes na sopa da mãe e depois a enrolou em tecidos.

Mais Artigos...

Receba novidades por e-mail. É Grátis!

Curtiu nosso trabalho?

Clique nos botões e siga a gente nas redes sociais.